Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

amarporinteiro

Aqui verto todos os sentimentos que sinto por uma mulher única e verdadeira nos seus atos. Esta história pode não ter começado num "era uma vez", mas vai acabar num "foram felizes para sempre"

Aqui verto todos os sentimentos que sinto por uma mulher única e verdadeira nos seus atos. Esta história pode não ter começado num "era uma vez", mas vai acabar num "foram felizes para sempre"

amarporinteiro

11
Set18

Espaço... e amor!

amarporinteiro

Hoje encontrei um texto que fala sobre tanta coisa... lê, porque do meu lado estou certo do que quero e do que continuo a querer...

“No amor, muitas vezes, temos a impressão de que quanto mais perto, melhor. De certa forma, faz sentido, já que amor exige cuidado, olhar atento, presença e delicadeza.

Porém, existe uma subtil diferença entre zelar e sufocar. Para crescer, qualquer vida precisa de espaço. Uma combinação mágica entre a leveza do ar e um certo horizonte.

Se tu sufocas, apertas ou pressionas, corre o risco de deformar, de magoar, de fazer murchar.

Talvez por isso amar não seja tarefa simples, porque pede sensibilidade e percepção. Um ajuste fino e constante para que não se esbarre sobre a negligência do abandono e nem sobre o excesso de zelo.

Trata-se de uma dança misteriosa que acerta o passo quando se movimenta entre o afastamento e aproximação. Entre o desejo e a saciedade. Entre a chegada e a partida.

O seu relacionamento não vai bem? A comunicação anda distorcida, confusa? Vocês não conseguem entender-se? Um quer aproximar e o outro quer afastar? Talvez vocês precisem de apenas um pouco mais de espaço. Um pouco mais de silêncio. Um pouco mais de ar e horizonte.

Talvez, o ponto de entendimento esteja justamente na capacidade de respirar fundo e suavizar. Confiar no tempo. Seguir o fluxo. Mais do que insistir nas palavras e se perder em explicações, perguntas e justificativas, talvez o amor precise apenas de olhos atentos e ouvidos bem abertos.

Porque talvez seja na coragem de se enxergar e de se perceber e na decisão de enxergar e perceber o outro que esteja o maior exercício de amor.

O tempo de viver uma paixão e o tempo de resgatar um coração vulnerável é o mesmo. Um dia é sempre um dia. O que muda é quão lenta ou ofegantemente você respira. O quão consciente ou desesperadamente você inspira e expira.

Lembre-se de que, no final das contas, não existem garantias. Talvez o amor renasça. Talvez acabe. Não depende somente de você. Depende de uma alquimia que transborda ou não…”

De mim tens o espaço e o silêncio que queres. Vivo a vida no limite, sinto-me na linha da frente, sinto por vezes algum medo, mas o êxtase do momento leva-me na loucura, numa busca insaciável de querer sempre mais.
Tenho sangue quente de paixão, temperamento quente e ninguém me pára. Sou silêncio, mas também posso ser festa e alegria. Mas, acima de tudo, sou EU... E este EU é TEU no seu modo mais humilde...

IMG-4468.JPG

 

5 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub